domingo, 15 de novembro de 2009

PORTA LUZ...


Não sou a luz;Sou o portador da luz.
Eu sou a dinâmica,a força que interpetra e constrói;
Sou o inicio do caminho,o primeiro.
Nasci no caos primordial e me revesti de todas as formas:sou o arpejo da lira e o clangor dos clarins;Sou eu que observo tudo com minúcia e detalis;sou eu que dou corpo as ideias e as sementes.
Senhor das trevas;me dizem,mas as trevas que eu habito são as de cada um de vocês.
Dêem-me os nomes que quiserem,mas não tentem me manipular,os que tentam,construem sua própria jaula.
Eu sou o choque do retorno,tão forte como o primeiro impulso.
Quem me procura me encontra,nem sempre gosta.
'Vocês',são transparente para mim.
Sou luta,mas não sou guerra.
Sou repouso,mas não sou paz.
Trago a ingenuidade do afago e a firmeza de dizer,como as coisas devem realmente ser.
Trago justiça,verdade e muita humildade.
Legiões de 'vampiros'servem-se do meu nome e tentam me fazer prisioneiro.
E quantas ''cabeças coroadas''aproveitam-se disso.
Estes um dia...me verão de frente.
Tenho muitas faces,sou caminhador,justo e amigo.
Tenho muitos nomes e muitas formas,mas sou da mesma essência.
Sou eu que aparo os galhos que dispersam,que limpo o terreno e o torno habitável;
Sou eu que sovo,amasso e espicho a massa para que o ''pão''se torne alimento real.
Há os que me querem para dar corpo as suas histórias mentirosas;Esses tecem a corda com que se enforcarão.
Sou a coluna que recebe mais impactos.
Sou a árvore mais apedrejada.
Não tenho meus fundamentos em promessas vãs ou passionais,nem me sustento nos escritos de qualquer livro.
Eu sou evolução e liberdade,por isso arrebento,aos que tentam me prender.
Minha base não é um simples conceito que morre com os homens,nem vivo nos versos de poetas sonhadores.
Também não tenho simpatias:procuro ser imparcial e estou além do bem e do mal.
Tenho mil olhos e jamais vacilo.
Resido no íntimo da alma das criaturas:ali onde o Pai fez a sua morada.
Há quem me chame justiça,mas eu sou servidor.
Na era atual me chamam EXU,e esse é um bom nome.
#anónimo#

Nenhum comentário:

Postar um comentário